Feed on
Posts
Comments

Essas expressões causam muita confusão, por isso decidi fazer um pequeno post para esclarecer seu uso. Vamos lá:

“Todo mundo” = “todas as pessoas”; não necessariamente todas as pessoas do mundo, mas as pessoas de determinado grupo ou local.

Exemplo: Todo mundo que estava no prédio saiu correndo quando ouviu o alarme de incêndio.

“Todo o mundo” = “o mundo inteiro”, o planeta

Exemplo: Todo o mundo pode ficar coberto em gelo em consequência do aquecimento global.

Fácil, não?

Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply